Julieta Capuleto x Giulietta Tolomei – PARTE 11

— Giulietta! Poderia me explicar… Essas imagens?

Papa me mostrou fotos de eu agredindo meu professor, e fugindo à cavalo da Universidade de Harvard com a Julieta Capuleto. Papa jogou o Tablet dele na minha cara.

— SUA INGRATA! ÉS ASSIM QUE QUERES MANTER NOSSA REPUTAÇÃO? E O QUE FAZIAS COM UMA CAPULETO?

— Eu não sabia… Papa, que era ela, eu te juro pela minha vida, per favore papa! Não me castigues! E o senhor havia dito que ela sabia quem eu era!

— E sabia…

— Não! Não sabia papa! Pergunte a Nana! Ela viu tudo! Perdonami! Nunca mais irá repetir isso, te prometo! E agora que eu sei quem és ela, irei bolar um plano papa, de acabar de vez com a família dela, sendo amiga do nosso inimigo, o que acha?

— Pensando bem.. És uma ótima ideia, você é tão inteligente minha filha, me dá tanto orgulho. Então seja amiga dessa ordinária Capuleto, e a seduza filha… Já que adoras o mesmo fruto do que eu! (Risos)

— Ótima ideia papa! Você és um gênio! Ti amo molto! (Risos)

— Agora vá. Divirta-se por aí, gaste o nosso dinheiro com você, e ponha em ação nosso planjo de sedução.

O que ele não sabia… É que não era um jogo de sedução, era de amor… Que estava em jogo, temo que se eles descobrirem que estou mesmo apaixonada por Julieta Capuleto, eles irão me deserdar ou até mesmo matar!

Fui ao encontro do meu cavalo, o diamante negro, e ele veio correndo até mim, eu iria atrás de Julieta, e seria agora mesmo… Nesse instante!

Me declararei pra ela, eu preciso fazer isso… Olhar em teus olhos e me sentir próxima do paraíso, e ver se irei ser correspondida, eu esquecerei até meu sobrenome, se ela dizerdes que me ama também! Esquecerei que sou uma Tolomei e que ela és uma Capuleto!

— ANDIAMOS DIAMANTE NEGRO!

E galopei com ele, procurando pela residência dos Capuletos, e parece que eles tinham uma festa hoje mais tarde, festa à fantasia segundo os informativos da cidade… Será interessante essa festa, pois eu irei estar nela. E na minha melhor fantasia… Pra nenhum dos Capuletos, notar minha presença, irei até Julieta e declamar meu amor… Dio mio, me ajude a ter forças! E pra que Julieta com sua ternura toda, me aceite como sou! Se ela me ama, irá de me aceitar sem o sobrenome ou até mesmo com o sobrenome, não me importa mais nada! Só ela…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.