Julieta Capuleto x Giulietta Tolomei – PARTE 29

— Você não é mais virgem meu amor…

Ela tentou esconder o rosto, e eu a beijei. Fazendo-a sorrir.

— Eu fiquei louca com você fazendo amor comigo naquele vestuário…

— E eu? Com seus gemidos… Já pensou? Morrermos de tesão?

— Olha foi quase! (Risos)

— Amor, vamos dormir, amanhã cedo eu tenho que ir atrás do meu primo em Verona, pra ver se ele está se comportando direito e peço novamente desculpas pelo que ele fez, doeu meu coração ver aquela cena. Um rosto tão delicado, ser tocado por mãos grosseiras de um homem.

— Amor, eu sou forte… Não sou tão meiga assim, uma parte ele tinha razão…

— Que parte?Vamos sua malandra, me diga agora!
— De eu ter seduzido você… Ficou apaixonadinha por mim num é?
— Ahhh sua convencida! (Risos)
— Ai para eu sinto cócegas!

Depois das cócegas eu chupei os seios dela… Carreguei-a no meu colo, com os seios dela na minha boca. E a deitei na cama…

— Eu poderia ficar os dias todos da minha vida assim… Só te olhando, te admirando, sabia?

— Aiiin amor…. Assim eu fico vermelha de vergonha.

— Vou nem falar aonde vi outra coisa ficar vermelha… (Risos entre nós).

— Você é tão safada, e romântica ao mesmo tempo… Isso me deixa louca!

— E eu fico louca com você inteiramente, não sei o que vai ser de nós, mas só sei quero amanhecer ao seu lado.

Julieta dormiu sob o calor de meus braços… E nossos corpos nus, entrelaçados um ao outro, era como se aconchegar no paraíso, e que perfume… Que mulher!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s