Julieta Capuleto x Giulietta Tolomei – PARTE 30

— Minha senhora! Abra a porta! Sua mãe quer te ver!

A governanta de Julieta batia na porta e eu me escondi perto da cama, enquanto Julieta vestia seu roupão. Isso já no dia seguinte.

— JÁ VAI LILIANA! É QUE NÃO ESTOU EM CONDIÇÕES NO MOMENTO!

Ela abriu depois de alguns minutos, e a governanta estranha a euforia dela, e entra no quarto, pois Julieta pede pra entrar, e tranca a porta.

— Liliana, quero que conheça o meu amor…
— Amor, Julieta?
— Sim…
— Pode aparecer minha linda…
— Olá senhora!
— Ahhhhhhhhhh! UMA TOLOMEI!

Julieta tampou a boca dela, e pediu silêncio…

— Liliana, essa é a minha amada…

— Não é possível… A história está se repetindo… Julieta, estamos revivendo o drama dos antepassados…

— Acalme-se querida… Nós iremos dar uma revira volta. Eu não irei aceitar o casório com o filho do diretor de Harvard, irei me casar com a filha dos Tolomei, e assim promover a paz.

— Minha menina… Você nunca me contou que se interessava por…

— Mulher? Eu também não sabia disso, mas Giulietta despertou o que sempre tive em mim, desejo por outra mulher! Desejo por ela… Eu sou milionária, quem irá julgar-nos? Deus?! Deus é misericordioso só aos ricos, então? Ninguém julga aqueles que estão no topo da cadeia alimentar?

— Não filha, está correta… Pro mundo só os ricos é quem são privilegiados. E se esquecem da minha classe… Que é inferior.

— Sabe Liliana, eu tenho nojo do ser humano, por fazer essas distinções não-humanistas! Se Deus é misericordioso a nós, por que as pessoas que convivem conosco, não são? Você não é inferior a nós! Ninguém é melhor do que ninguém, você é uma de nós!

— Porque são orgulhosos! Nem nós que somos ricos minha amada Julieta, somos tão egoístas assim, tanto que o destino colocou logo você na minha vida para amar… Eu devo de ir minhas senhoras, preciso resolver negócios familiares, e sonho com a paz entre nossas famílias, e ter você deitada ao meu lado, senhora Capuleto. E Liliana, perdão por eu estar aqui.

— Não minha senhora, fique a vontade… Se faz a minha menina feliz, eu fico lisonjeada de tê-la aqui, és uma benção divina de Deus, para cessar finalmente a paz! Eu irei conversar com o padre amigo da sua família, Julieta.

— Converse! Eu irei ficar super grata por isso! Vá com Deus minha senhora e futura esposa… Tolomei! Beijei-me para ter como lembrança o seu gosto.

Beijei-a, e depois abracei a Liliana, e assim me retirei… Corri pelos labirintos do jardim, e pulei as grades sem com que os guardas vissem, e fui até um lago que tinha próximo a mansão Capuleto, e dei água para meu cavalo, tirei a rédea da boca dele.

— Diamante Negro… Estou feliz amigo, eu finalmente encontrei o meu refúgio, o meu ninho de amor. E você? Deve ser cheia de éguas, só você é o poderoso reprodutor do Haras, como se sente hein? Naquele harém de éguas?

Ele rolava no lago e depois batia o casco dele na água, como se tivesse me convidando a entrar com ele… Eu pulei no lago, e subi nele, atravessamos o lago, e conseguimos achar um atalho pra estrada principal e pensei, esse cavalo é um gênio! (Risos)

Um comentário sobre “Julieta Capuleto x Giulietta Tolomei – PARTE 30

  1. Love your stories. I will share one with you. My students walk in through my back door to my studio. Well one mother was too lazy to come get her son after his lesson, so she drove right on to my grass up to the back door and honked her horn. I walked her son out, and when I saw her car at my back door, I shouted: “why didn’t you just drive right in?”. We both laughed hytrasicelly.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.