#Transfobia: projeto da ONU mudar realidade dos transsexuais no Brasil

Tu já pensou na realidade desses índices? Enquanto a expectativa de vida do brasileiro está na média de 75 anos, a de uma pessoa trans não passa dos 35, segundo dados de organizações da sociedade civil mencionados pela ONU, o Brasil ocupa o primeiro lugar no ranking mundial de países que mais matam travestis e transexuais. Um dado alarmante e medonho!

Os números alarmantes levaram as Nações Unidas no Brasil a criar o projeto Trans-Formação, que busca capacitar transexuais para atuar como lideranças pelos direitos da população trans. A iniciativa entra em sua segunda edição com o objetivo de ampliar o diálogo com a sociedade.

“O Trans-Formação propõe fortalecer a capacidade de pessoas trans, para que elas possam conhecer e demandar seus direitos. Ao mesmo tempo, a ideia é engajar várias instituições para que elas também contribuam para a igualdade dede pessoas trans”, detalha Angela Pires Terto, assessora de Direitos Humanos da ONU no Brasil.

Para os idealizadores do projeto, o primeiro passo para alterar as estatísticas que colocam o Brasil no topo da violência é integrar os transexuais na sociedade.

90% da população trans acaba recorrendo à prostituição e vive sujeita a violência e crimes de ódio por não encontrar espaço na sociedade. É um grupo de pessoas que historicamente são marginalizadas e alijadas da educação, trabalho e cidadania e tantos outros direitos que lhes são negados.

O combate a intolerância passa fundamentalmente pela conciliação no discurso político e social. Hoje, temos políticos que inflamam a sociedade contra as pessoas LGBTI, rotulando-os como destruidores da família brasileira. Esse tipo de discurso só cria mais resistência ao debate e construção de uma nova sociedade que guarde o direito de todos.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s