Rotina

O dia hoje amanheceu nublado como sempre amanhece quando dos teus braços sem querer eu me afasto. Incrivelmente Sabiamente indubitavelmente meu corpo sabe e reconhece que da rotina do seu corpo ele se faz cativo. Assim por vontade, assim comandado. Porque deveras enamorado da tua pele e com ela o cheiro nada lhe passa alheio … Continue lendo Rotina

Tempo pra quê

Às vezes me pergunto Que finalidade terá Esse tão famoso tempo Que os casais costumam dar Se na verdade você ama E perto do outro quer está Pra quê tempo Esse tempo distante de que servirá? Se há dúvidas Ou indiferenças Por que não conversar E resolver as pendências Sublimar desavenças E se reencontrar Se … Continue lendo Tempo pra quê

Febre

É um calor que varre o corpo escorre pelas veias como larva fazendo os pelos eriçarem a cabeça perde a razão. Pele, suor e calor unhas, ardência, comichão tudo isso me inerva, Incendeia minha alma Sublima meu prazer. Teu corpo, teus pelos, tua pele, teu cheiro, teu gosto meu prazer.

Chuva

Tem certas horas  Nas maiorias das minhas horas Que cresce dentro em mim Um desejo ardente  De transformar-me  Em pequenas gotas d'água. Limpas e transparentes. E assim, no processo da vida Mutar constantemente Ora líquida, ora gasosa, densa e fria Para após de um longo processo  Derramar-me completamente Sobre teu corpo. Silenciar teus olhos Umedecer … Continue lendo Chuva